Slow Food. O que é?

1 Jul

O Slow Food sugiu como resposta ao fast food; ao ritmo acelerado da vida atual; ao desaparecimento das tradições  e culinárias regionais.

O que o movimento Slow Food prega é que as pessoas devem comer e beber devagar, saboreando os alimentos, “curtindo” seu preparo, no convívio com a família, com amigos, sem pressa e com qualidade.

A base de tudo está no questionamento da pressa gerada pela globalização, pelo apelo à “quantidade do ter” em contraposição à qualidade de vida ou à “qualidade do ser”.

Essa “atitude sem-pressa” não significa fazer menos, nem ter menor produtividade.

Significa, sim, fazer as coisas e trabalhar com mais “qualidade” e “produtividade” com maior perfeição, atenção aos detalhes e com menos “stress”.

Significa retomar os valores da família, dos amigos, do tempo livre, do lazer, das pequenas comunidades, do “local”, presente e concreto em contraposição ao “global” – indefinido e anônimo.

Significa a retomada dos valores essenciais do ser humano, dos pequenos prazeres do cotidiano, da simplicidade de viver e conviver.

Gostou da proposta? Então comece a por em prática hoje o Slow Food!

Durante as refeições: Antes de começar a comer olhe para o seu prato e tente identificar o que cada alimento vai fazer pelo seu corpo. Experimente cada alimento separadamente, em seguida, experimente-os juntos. Uma dica para quem come muito rápido é se alimentar sempre com garfos de sobremesa, por serem menores, colocamos menos comida neles e assim a refeição demora mais tempo para acabar.

Com a família e amigos: Uma vez por semana reserve uma refeição para fazer uma receita saudável. Enfeite bem os pratos que serão levados para a mesa, afinal primeiro comemos com os olhos e depois com a boca. Sinta o cheiro da comida antes de leva-la a boca. Aprecie-a

Dentro de casa: Faça uma horta no seu quintal. Basta pegar um cantinho que bata sol algumas horas por dia. Comece plantando alface que é uma planta que dá o ano todo e demora pouco para crescer. Mora em apartamento? Monte uma mini horta com plantas aromáticas como o mangericão, alecrim, camomila ou hortelã. As plantas aromáticas não ocupam muito espaço e podem ser plantadas em jardineiras ou vasinhos.

Então mãos à obra! Para saber mais sobre o slow food acesse o site http://www.slowfoodbrasil.com/

Nenhum Comentário ainda

Deixe seu Comentário