Muito Além do Peso

25 Feb

Muito Além do Peso

Na 36ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, o documentário mais votado pelo público foi o “Muito Além do Peso”. A produção conta com o patrocínio do Instituto Alana, dirigido por Estela Renner e participações especiais como a do Jamie Oliver.

O documentário tem o objetivo de expor aos brasileiros a obesidade infantil no Brasil. Você sabia que 56% dos bebês tomam refrigerante frequentemente antes do primeiro ano de vida? Pois muitos pais não sabem que o refrigerante faz mal à criança, alguns pais pensam que se é permitido ser vendido, porque não é o ideal para a criança? Sabemos que o paladar dos bebês é criado nos primeiros anos de vida, ou seja, se uma bebida açúcarada e cheia de corante e conservantes é oferecida tão cedo a tendência é que a criança se acostume com aquele sabor e sinta prazer ao consumi-lo, resultado é que a cada 5 crianças obesas, 4 permanecerão obesas quando adultos e provavelmente também vão oferecer os refrigerantes para seus filhos, e com isso o ciclo nunca termina, elevando cada vez mais o número de crianças com sobrepeso no mundo.

Verônica Laino - Muito Além do Peso 8

 O que os pais devem ficar atentos é que a indústria alimentícia gasta bilhões de dólares por ano para aumentar a venda dos produtos e levar o consumidor a crer que aquele produto é bom e saudável, enquanto que o governo gasta apenas 50 milhões para divulgar o que são alimentos realmente saudáveis e como adquirir hábitos saudáveis. Nossas crianças ficam em média apenas 3 horas na escola e 5 horas em frente à televisão (segundo IBOPE/2001 e FGV:TEP), isso faz com que a criança seja o maior alvo destas propagandas enganosas e muitas vezes conseguem convencer os pais de que aquele produto é bom. Um estudo demonstrou que o consumo de alimentos não saudáveis pelas crianças aumenta em 134% quando expostas à sua publicidade. Por isso os pais devem se esforçar ao máximo para dizer não à criança quando ela pedir um alimento não saudável no dia a dia. A criança não é proibida de consumir estes alimentos, mas sim deve ser estimulada pelos pais a consumir alimentos saudáveis na maior parte do tempo e esporadicamente, uma vez por semana, por exemplo, os pais podem ceder aos pedidos das crianças e deixa-las consumir um doce ou um refrigerante ou consumir um alimento das cadeias de fast-food.

Verônica Laino - Muito Além do Peso 6

 As crianças tem consumido muitos alimentos açucarados, e muitos pais nem sabem que contém tanto açúcar nestes produtos. Você sabia que o brasileiro consome em média 51kg de açúcar por ano, o que equivale a mais de 4 kg de açúcar por mês. O problema maior é que o rótulo dos alimentos aqui no Brasil não é descrito de forma clara para o consumidor, que fica confuso ao olhar as informações e identificar o quanto de açúcar é adicionado às bebidas. Ao consumir uma latinha de refrigerante por dia durante uma semana, a pessoa consumiu aproximadamente 259g de açúcar, o que equivale a mais de 51 sachês de açúcar (5g), aqueles que encontramos nos restaurantes. Já o consumo de 1 latinha de refrigerante por dia, durante um mês, leva a pessoa a ingerir 1,11kg de açúcar o que equivalem a 222 sachês de açúcar (5g).

Verônica Laino - Muito Além do Peso

Com isso muitos pais preferem oferecer aos filhos os sucos de caixinha ou em pó, mas será que esta troca reduz o consumo de açúcar? Em 200ml de suco de caixinha, o que equivale a um copo médio, temos 29g de açúcar o que equivale a quase 6 sachês de açúcar (5g). A troca por uma bebida láctea pronta de sabor chocolate também não muda muito, pois possui a mesma quantidade de açúcar. A melhor saída é o consumo de suco natural ou de polpa congelada, e adicionar o mínimo de açúcar possível, se adicionar apenas 1 sachê de açúcar a redução já terá sido de quase 80% a menos! Para conservar o suco, o ideal é levar a bebida dentro de uma garrafa térmica, que é vendida junto com as lancheiras escolares.

Verônica Laino - Muito Além do Peso 99

Para finalizar o post, gostaria de alertar que não é substituindo o açúcar pelo adoçante que o problema será solucionado. O consumo de adoçantes não é recomendado para crianças que não possuem diabetes. Para saber um pouco mais sobre os malefícios dos adoçantes, confira a matéria: Adoçantes Artificiais: aliados ou inimigos da saúde? Por isso, evite comprar sucos e bebidas light, diet ou zero para seus filhos.

Para tentar driblar o consumo dos produtos industrializados pelas crianças montei um post com algumas dicas de como montar as lancheiras de forma saudável e que agrade as crianças, confira a matéria: Como montar uma lancheira saudável

Tem alguma dúvida? Deixe seu comentário!

 

Um Comentário em “Muito Além do Peso”

  1. Izabella February 25, 2013 at 6:01 am #

    Oi Veronica,tudo bem?Sou estudante de nutrição e adoro vir aqui no seu blog!Sempre tem coisas muito interessantes!Essa semana vi um filme na faculdade :Super Size men e me lembrei dele quando li esse artigo.Muito bom!Continue assim!Beijos

Deixe seu Comentário